Todos devem se engajar no combate ao fumo

Voltar
31/08/2017

Post


Relacionado a mais de 50 tipos de doenças, o fumo pode causar dependência física, psicológica e comportamental. O Dia Nacional de Combate ao Fumo, 29 de agosto, foi instituído com o objetivo de conscientizar os brasileiros – fumantes e não fumantes – dos males à saúde causados pelo tabaco.

Os que possuem esse mau hábito, devem refletir sobre suas consequências e suspendê-lo, se preciso com ajuda terapêutica. A quem não fuma, o recado é defender-se de se tornar um fumante passivo – aquele que convive com fumantes em lugares fechados e também fica exposto aos males do tabaco. Outro alerta é sobre a responsabilidade de educar as novas gerações para uma vida livre do cigarro. 

As vítimas - Estatísticas da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que mais de cinco milhões de mortes acontecem todos os anos no mundo devido ao tabagismo. Esses dados incluem os fumantes passivos. A OMS considera o tabagismo uma doença epidêmica e que se assemelha ao uso de drogas como a cocaína.